Política

Mendes convida Gallo para ficar na secretaria e deve anunciar mais 6 esta semana

O governador eleito, Mauro Mendes (DEM), deve anunciar mais seis nomes do seu futuro secretariado ainda nesta semana. O democrata deve manter Rogério Gallo da Secretaria de Estado de Fazenda e Frederico Muller na Gestão, ambos ainda atuantes no governo de Pedro Taques (PSDB) informou, ontem à noite, no Resumo do Dia, o apresentador e ex-prefeito de Cuiabá, Roberto França. Gallo trabalhou com Mauro na prefeitura da capital – foi procurador geral

O maestro da Orquestra Sinfônica da Universidade Federal de Mato Grosso, Fabrício Carvalho, que faz parte da equipe de transição, na Cultura, e no professor Adriano Silva, indicação do DEM, na Ciência e Tecnologia, são cotados para compor o primeiro escalão.

A lista seria completa com Cesar Miranda (aliado do senador eleito Jayme Campos e atual secretário na prefeitura de Várzea Grande) na secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) e com Pascoal Santullo na Gestão, que pode perder o status de secretaria ao ser fundida e ficar sob o guarda-chuva da secretaria de Planejamento.

De todos os nomes citados, apenas Rogério Gallo é confirmado por Mendes, que, segundo a assessoria de imprensa, fez o convite, mas ainda aguarda a resposta. Os dois são conhecidos de longa data e já trabalharam juntos quando Mendes administrou a prefeitura de Cuiabá.

Conforme Só Notícias já informou, 5 secretários estão definidos: o empresário Mauro Carvalho será titular da Casa Civil, o engenheiro Marcelo de Oliveira, o Marcelo Padeiro, assumirá a Infraestrutura, o vereador em Cuiabá Gilberto Figueiredo será secretário de Saúde, o delegado Alexandre Bustamante comandará a segurança e Mauro decidiu manter a atual secretária da gestão de Taques, Marioneide Angélica Kliemaschewsk, na Educação