Esportes

Ronaldo faz 2 e comanda vitória do Corinthians sobre Sport

O Corinthians foi nesta quinta-feira mais uma vez assustado dentro do Pacaembu pelo Campeonato Brasileiro. Mas mais uma vez saiu do sufoco e derrotou o Sport por 4 a 3, depois de sair à frente e sofrer o empate na metade do segundo tempo. Os atacantes Ronaldo e Vandinho marcaram dois gols para cada lado. Foi a quinta vitória corintiana em casa na competição.

Com o resultado, o Corinthians fica com 15 pontos, na oitava colocação da tabela. Já o Sport soma agora 12 pontos, na 13ª colocação. Os dois times voltam a campo no domingo. A formação paulista encara o Cruzeiro, em Belo Horizonte, enquanto a equipe pernambucana recebe o Avaí.

O zagueiro Chicão recuperou-se da virose e retornou à equipe corintiana, mas novamente não teve o companheiro William ao seu lado. O capitão ainda se recupera de problemas crônicos no pé direito e deu lugar ao jovem Diego. Na lateral direita, Diogo substituiu o suspenso Alessandro, ao passo que Jucilei ganhou nova chance com a punição do volante Elias pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

No Sport, o técnico Emerson Leão não pôde contar com o atacante Ciro, que serve a seleção brasileira sub-20 em um torneio de preparação na Venezuela, e também ficou impossibilitado de escalar o reserva imediato Weldon, suspenso pelo STJD. Com isso, Luciano Henrique foi escalado. Na defesa, o zagueiro César, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, deu lugar a Juliano.

O jogo – Enquanto alguns torcedores ainda chegavam ao Pacaembu, talvez em função do horário incomum da partida, os primeiros minutos da etapa inicial passavam a impressão aos corintianos já presentes de que o time ainda sofreria com algum tipo de relaxamento, como nas últimas rodadas.

Foi assim que, aos 11 minutos de jogo, uma bola na área encontrou Fabiano sozinho na área. Ele cabeceou forte e inaugurou o marcador na capital paulista. Mesmo jogando fora de casa, o Sport não se limitava apenas a marcar, mas também continuava a assustar o arqueiro corintiano. Em contrapartida, os donos da casa tinham dificuldade na armação das jogadas, o que causava impaciência na torcida.

Mas foi somente um susto resolvido por Ronaldo. Aos 27 minutos, já melhor dentro do confronto, o Corinthians chegou ao empate. André Santos avançou pela esquerda e cruzou para a área. Livre, o atacante cabeceou no chão e não deu chance a Magrão. Seis minutos mais tarde, em jogada parecida, desta vez pelo lado direito, o cruzamento foi de Diogo, e o gol foi de Ronaldo, novamente de cabeça.

No retorno do intervalo, o medo da tal oscilação apresentada recentemente foi dissipado em quatro minutos. O volante Cristian se apresentou no meio-campo e, diante da ausência de marcação, partiu para o ataque, driblou o zagueiro e chutou de fora da área, sem chance de defesa para o goleiro.

Com Chicão garantindo a tranquilidade da defesa e o ataque pressionando o Sport no campo do adversário, sobrava pouco espaço para os contragolpes da equipe de Recife. Mesmo assim, o técnico Mano Menezes optou por não correr risco e sacou o lateral direito Diogo para a entrada de Moradei. Em seguida, saiu Dentinho, com dores na virilha, para entrar o meia Morais.

Não demorou para os visitantes descontarem. Aos 18 minutos, o atacante Vandinho, que acabara de entrar no lugar de Luciano Henrique, recebeu cruzamento rasteiro de Fabiano e, de bico, marcou o segundo do Sport, diminuindo a vantagem corintiana no marcador. Quatro minutos depois, Felipe não conseguiu encaixar chute de longe e ofereceu rebote. Oportunista, Vandinho só teve o trabalho de empurrar para a rede para anotar seu segundo tento no confronto e igualar o placar.

Voltou assim a oscilação tão temida antes da partida. O Sport cresceu na partida e por pouco não balançou a rede novamente. Empurrado pela torcida, o Corinthians tentava abafar a pressão adversária e ao mesmo tempo sair para o jogo, mas já esbarrava na ausência de um homem que atacasse pela direita. Mano então tirou Jucilei e colocou o meia-atacante Marcelinho na ponta.

Mas um outro acontecimento mexeu com a equipe alvinegra. Guto cometeu dura falta, recebeu o amarelo, foi expulso e deixou o Sport com um jogador a menos em campo. Na saída de bola, o volante Moradei arriscou de fora da área e marcou um belo gol no Pacaembu, colocando o Corinthians definitivamente à frente no placar, para selar a quinta vitória do time em casa na competição.

 

 

[testa_categ]