Economia

Sorriso fecha quadrimestre como 3º maior exportador de MT

Sorriso encerrou o primeiro quadrimestre do ano como terceiro maior exportador de Mato Grosso, ao embarcar diversos produtos que resultaram em US$ 172,4 milhões. Frente ao mesmo período de 2008 o crescimento nas relações comerciais foi de 217,77%. O melhor desempenho do Estado nos quatro meses ficou com Rondonópolis (US$267,3 milhões) seguido por Sapezal (US$225,2 milhões). Os dados são do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Município de base agrícola, Sorriso teve o agronegócio como propulsor de negócios. Somente de grãos em soja, mesmo triturados, foram exportados entre janeiro a abril volume superior a US$153,9 milhões (89,24% da fatia geral). De milho em grão, exceto para semeadura, US$16,1 milhões. A venda de madeiras não coníferas resultou em US$935,4 mil e, de algodão, US$745,8 mil.

O principal destino das exportações foi a China, para onde foram enviados US$63,1 milhões em mercadorias. Já a Espanha absorveu a segunda maior parcela, importando US$33,8 milhões. A Holanda, US$18,9 milhões. Tailândia e Irã, US$15,5 e US$12,3 milhões, respectivamente.

Ao bloco asiático foram exportados US$91 milhões. Para a União Européia, outros US$56,3 milhões, e ao Oriente Médio, US$18,3 milhões. O Ministério do Desenvolvimento mostra ainda que levando-se em conta o desempenho individual de abril, as exportações cresceram 22,44% frente ao mesmo mês do ano passado. As vendas saltaram de US$34,6 milhões para US$42,4 milhões.