Economia

Sinop: geração de empregos termina em alta em abril

Sinop não está na relação dos municípios que diminuíram a geração de empregos e terminou abril com 104 contratações a mais que as demissões. Só Notícias apurou, junto ao Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, do Ministério do Trabalho, que todas as empresas fizeram, juntas, 1.175 admissões e 1.071 desligamentos. Os dados incluem apenas os trabalhadores com carteiras assinadas.

O setor de prestação de serviço teve o melhor desempenho e gerou 65 empregos a mais. Houve 308 admissões e 243 desligamentos. A indústria de transformação – onde estão relacionada as madeireiras – ficou em segundo na geração de empregos, contratando 44 profissionais a mais. Foram 245 admissões e 201 desligamentos. O comércio registrou 434 admissões e 429 desligamentos, saldo positivo de 5.

A agropecuária e construção civil tiveram desempenho negativo. Nas fazendas houve 113 demissões e 104 admissões, saldo negativo de 9 dispensados e, na construção,  85 demitidos e 83 contratados.

Em quatro meses, o Caged destaca que todas as empresas do município fizerma, juntas, 4.880 admissões e 4.421 demissões. O saldo positivo é de 459 contratados.

 

Leia mais

Geração de empregos diminui e setor agropecuário lidera ranking