Economia

Lucas R. Verde: inadimplência em parte do comércio diminui

O número de contas atrasadas em uma parcela expressiva do comércio de Lucas reduziu, mês passado. Foram 748 atrasadas e os devedores tiveram seus nomes inseridos no Sistema e Informação de Apoio a Concessão de Crédito – Concentre – , segundo a Associação Comercial e Empresarial (ACES). Os dados foram apurados entre e 1° a 30 de abril e correspondem a quantidade de contas (parcelas) que não foram pagas nata data fixada e não ao número de consumidores já que o mesmo pode estar devendo parcelas para diferentes.

As regularizações superaram as inclusões. No mês, segundo os dados, foram 922 contas que estavam pendentes e foram pagas pelos clientes. As consultas feitas pelos comerciantes, antes de venderem à prazo, totalizaram 4,9 mil – entre Concentre, cheques, sistema local e outros métodos.

Os números de inclusões deste mês são inferiores quando comparado com os anteriores. Em janeiro foram 1.496 e, em fevereiro, 1.136. As regularizações totalizaram 709 e 962 respectivamente. Em março não houve divulgação dos dados pois o sistema utilizado passou por aperfeiçoamento interferindo na inserção de inadimplentes, segundo explicação da associação.